Um grande culto de louvor e adoração reuniu, nesta terça-feira (31/10), cerca de 50 mil pessoas no Cabo de Santo Agostinho para comemorar o Dia Municipal de Ação de Graças e os 500 anos da Reforma Protestante. O evento, promovido anualmente pelo Conselho de Pastores do Cabo com o apoio da Prefeitura do Cabo, ocorreu no pátio da Praça 9 de Julho – situada às margens da PE-60.
O culto teve início com as apresentações de músicos e grupos de “gestos” do município e outras cidades, seguido pela pregação do reverendo Hernandes Dias Lopes e com as músicas da cantora Aline Barros, um dos principais nomes da música gospel brasileira. Ela animou o público com seus maiores sucessos, como “Vou te alegrar” e “Homenzinho torto”. “Hoje tenho a responsabilidade de levar a palavra de Deus nesta festa linda, nessa terra maravilhosa. Hoje é um dia muito especial. É um momento para agradecer a Deus e estou muito feliz em estar no Cabo de volta”, disse Aline Barros.

Na oportunidade, o prefeito Lula Cabral recebeu do Conselho de Pastores o certificado de participação do evento. “Hoje é um dia especial, estamos comemorando o Dia Municipal de Ação de Graças e os 500 anos da Reforma Protestante”, afirmou Lula. “Estou muito feliz por poder estar aqui, agradecendo mais uma vez a Deus por todas as bênçãos derramadas na nossa cidade”, completou ele.

O reverendo Hernandes Dias Lopes também comentou sobre o evento. “Me sinto honrado em poder participar desta noite festiva e em poder expressar minha gratidão por estar aqui, falando com o povo de Deus e celebrando essa data magnífica”.

No evento, estiveram presentes também o vice-prefeito, Clayton Marques (Keko do Armazém), os deputados estaduais Everaldo Cabral, Pastor Cleiton Collins, André Ferreira e Joel da Harpa, além de secretários, vereadores, pastores e outras personalidades. A filha do prefeito, Fabíola Cabral, uma das grandes responsáveis pelo planejamento e execução do evento (de forma voluntária), também marcou presença.

REFORMA PROTESTANTE – No início do século XVI, na Alemanha, era comum pregar recados na porta da Igreja de Wittenberg. Membros da universidade, usavam o local como quadro de recados, convocando os alunos para arguições orais ou cancelamento das aulas. Em outubro de 1517, o monge e teólogo Martinho Lutero, afixou uma folha impressa contendo 95 teses na porta da igreja, que daria início à Reforma Protestante.

FERIADO MUNICIPAL – Dia 31 de outubro entrou para o calendário oficial do município como o Dia Municipal de Ação de Graças, instituído pelo prefeito Lula Cabral, por meio da Lei 2.313/2005.

Texto: Amanda Falcão – Secom/Cabo

Fotos: Léo Domingos e João Barbosa