O prefeito em exercício do Cabo de Santo Agostinho, Keko do Armazém, se reuniu, na manhã desta quarta-feira (23/01), com representantes da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) para discutir sobre um novo sistema de abastecimento de água que contemplará os moradores da cidade.

O trabalho de instalação é de 12 km de rede de distribuição de água que irão abastecer famílias que moram nas proximidades de Ponte dos Carvalhos. Esse sistema de distribuição do bairro será composto por uma estação elevatória, uma torre piezométrica, além, de uma adutora de 430 metros de extensão, que é a tubulação que liga a captação de água ao tratamento e distribuição. A obra está prevista para começar na próxima semana e tem o prazo de 14 meses para o término.
Ainda no trabalho de ampliação da rede de tratamento, haverá a instalação de 1.350 ligações domiciliares, que unem a rede de distribuição à cada residência, e irão atender cerca de 7 mil habitantes.
De acordo com Keko do Armazém, além de Ponte dos Carvalhos, outras localidades do Cabo serão beneficiadas, “pois a equipe estará nas ruas verificando os problemas que nossa cidade enfrenta”, ressaltou.
O encontro é resultado de uma reunião anterior com o presidente da Compesa, Roberto Tavares, quando ele deu a notícia do novo investimento de abastecimento da cidade.


Ainda de acordo com Keko, o novo sistema de abastecimento vem como uma solução do problema de falta de água em bairros do Cabo e tem por objetivo sanar o problema de falta de água em Ponte dos Carvalhos. “Nós, como gestão, estamos fazendo nossa parte para que a população que seja atendida”, finalizou o prefeito em exercício.

Texto:Beatriz Lima – Estágiario da Secom/Cabo

Foto: Léo Domingos