Equipe técnica da Secretaria de Programas Sociais está realizando visitas aos engenhos do Cabo de Santo Agostinho, com o objetivo de conhecer as áreas de cultivo. A ideia é fortalecer a agricultura familiar, por meio da educação ambiental e práticas que auxiliem na qualidade da produção e geração de renda.

O primeiro engenho a ser visitado foi o de Pau Santo, na última sexta-feira (01/02). Os técnicos obtiveram informações sobre o solo e destino das frutas, verduras e hortaliças cultivadas por dez agricultores. A identificação das principais barreiras e cadastro de pequenos plantadores com levantamento distribuídos pelo local.

“Iremos trabalhar aliado ao Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional para inserir o que é produzido no município nos projetos sociais, como o Projeto Sopa Expressa. Além de estimular o plantio agroecológico e dessa forma fortalecer o conhecimento sobre segurança alimentar”, afirma Edna Gomes, secretária de Programas Sociais.

Esta visita faz parte do trabalho da equipe de projetos sociais para implementação do Projeto Sopa Expressa que será realizado em parceria com a empresa Aché Laboratórios Farmacêuticos. E envolverá os agricultores locais com a comercialização dos produtos para esses projetos.

O trabalho de conscientização sobre segurança alimentar e incentivo a redução da fome e desnutrição é acompanhado pelo Ministério Público de Pernambuco, Tribunal de Contas da União e Controladoria Geral da União.

SAIBA MAIS: O projeto Sopa Expressa foi desenvolvido pela Secretaria de Programas Sociais e terá como parceira a empresa Aché Laboratórios Farmacêuticos. A proposta é atender famílias e indivíduos em situação de insegurança alimentar e nutricional. O projeto tem como meta o atendimento diário de 1.200 pessoas no município.

 

Eva Pereira/ Secom Cabo

Foto: Divulgação