A Prefeitura do Cabo começou nesta quarta-feira (15/05), a distribuição da vacina contra a febre aftosa entre os criadores de bovinos e bubalinos (búfalos) do município. A entrega das doses se estenderá até o dia 31 de maio, na sede da Secretaria de Desenvolvimento Rural, das 8h às 14h.

A distribuição faz parte da Campanha Nacional de Vacinação contra Febre Aftosa e será realizada em duas etapas: a primeira, durante este mês. E a segunda, em novembro. A expectativa é distribuir gratuitamente, doses para imunização de 3 mil gados, aproximadamente. “A meta da Prefeitura é imunizar 100% do rebanho da região”, destacou o Superintendente de Desenvolvimento Rural, Aziel Almeida.  “Além da garantia de um rebanho saudável para o produtor, a imunização dá a ele a possibilidade de transportar e comercializar seus animais”, ressaltou.

A equipe da Superintendência de Desenvolvimento Rural está distribuindo a vacina de acordo com quantidade necessária para cada criador, e orientando sobre o procedimento para a aplicação. A vacina deve ser aplicada na região da tábua do pescoço, entre o couro e a carne do animal (via subcutânea).

A aplicação da vacina é obrigatória. Em caso dos criadores não vacinarem os rebanhos, estarão sujeitos à multas e a proibição da retirada do GTA ( Guia de Trânsito Animal), que permite o trânsito e comercialização dos animais.

Para retirada das vacinas é necessário estar devidamente cadastrado na Defesa Agropecuária. Caso não possua o cadastro basta comparecer na Superintendência de Desenvolvimento Rural, localizada no Centro do Cabo, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, portando o CPF.

Febre Aftosa-  Os principais sintomas da doença são: febre; aftas na boca, nas tetas e entre as unhas; se isolam dos outros, babam, mancam e param de comer e beber.

 

Texto: Beatriz Lima