Abordando a temática “Como (não) falar de comida de verdade se a fome está de volta?” aconteceu a 1ª Conferencia de Segurança Alimentar do Cabo de Santo Agostinho.  O evento reuniu representantes do Conselho de Segurança Alimentar, Secretaria de Desenvolvimento Agrário de Pernambuco, Sebrae, UFRPE,  Prefeitura do Cabo e de vários segmentos sociais.

Foram abordados  os avanços, ameaças e perspectivas da segurança alimentar,  estratégias para o fortalecimento do Sisan, entre outros assuntos que trataram sobre os desafios para garantir a erradicação da fome.

Em seu discurso de abertura, a Secretária de Programas Sociais, Edna Gomes,  enfatizou  a importância da realização da conferência municipal.  “Falar de fome  entristece bastante, mas é preciso que todos se engajem nessa luta porque é por meio dela que podemos fazer um grande movimento de transformação para erradicar a fome e a miséria”, disse.

Natanael Maranhão, presidente do Conselho de Segurança Alimentar de Pernambuco disse que é  uma alegria enorme estar participando dessa primeira conferência. “Ela tem uma importância histórica porque será a primeira de várias. Enfrentar a fome não é simples e isso nos encoraja a continuar lutando”.

Durante à tarde foram realizadas oficinas, onde se colheu propostas para a elaboração de um documento, que irá nortear as políticas públicas no município.

 

Fotos: Ivan Melo